Diarreia X Tratamento do Câncer: Descubra como amenizar esse sintoma

>>Diarreia X Tratamento do Câncer: Descubra como amenizar esse sintoma

Diarreia X Tratamento do Câncer: Descubra como amenizar esse sintoma

Os pacientes que se submetem aos tratamentos oncológicos acabam apresentando diarreia durante o processo. “Para aliviar esse sintoma é necessário evitar alimentos laxativos como mamão, laranja e ameixa.

A utilização de chás e ervas também precisa ser observada com atenção, já que algumas, comercializada livremente, podem intensificar a diarreia e até mesmo interagir de forma negativa com alguns quimioterápicos”, orienta o nutricionista do Centro Oncológico Mogi das Cruzes, Diego Lima.

Lima orienta que alguns pacientes podem se beneficiar de uma dieta com restrição de alimentos Foodmaps, que contêm carboidratos fermentáveis não digeríveis, responsáveis pelo aumento na produção de gases intestinais, causando inchaço abdominal, cólicas e intensificando a diarreia.

“Esse tipo de dieta, porém, não deve ser mantida por longos períodos já que pode causar ou agravar um quadro de desnutrição. Por isso é fundamental consultar um nutricionista que irá orientar cada paciente especificamente”, ressalta.

O uso dos probióticos, como o kefir e os vendidos em farmácias, ajuda a melhorar a diarreia, mas devido à baixa imunidade dos pacientes oncológicos, pode ocorrer contaminação.

O nutricionista explica que “durante o tratamento, a imunidade de alguns pacientes pode estar comprometida, elevando o risco de contaminação por essas bactérias, por esse motivo a suplementação deve ser orientada somente pelo médico oncologista ou pelo nutricionista responsável”.

Lima pede atenção também aos adoçantes e bebidas que o contenham. “Esse pode ser um desencadeador da diarreia, por isso, sempre oriento meus pacientes não usarem nenhum tipo de adoçante, por maior que seja a alegação de saudável ou a exclusão de açúcar da dieta”, afirma

O principal problema da diarreia é a desidratação do corpo, por isso, é preciso ingerir de dois a três litros de água por dia, que podem ser substituídos por chás sem cafeína e sem açúcar. Lima orienta que “é ideal comer cinco ou seis pequenas refeições ou petiscos, ao invés de apenas três grandes refeições com excesso de alimentos”.

Confira a seguir as principais dicas do nutricionista do Centro Oncológico para amenizar os sintomas da diarreia:

  • Evitar alimentos laxativos (mamão, abacaxi, laranja, abacate, ameixa, verduras cruas, alimentos integrais);
  • Evitar leite e derivados;
  • Evitar doces, açúcar, embutidos, leite, leguminosas;
  • Evitar alimentos gordurosos, como: frituras, cremes e empanados;
  • Beber bastante líquido, para evitar a desidratação;
  • Procurar comer alimentos como arroz, banana, maçã, pera (sem casca), melão, melancia, torrada, batata, mandioca, carnes magras, chá, limão;
  • Evitar cafeína e alimentos picantes;
  • Consultar seu médico se a diarreia persistir por mais de 24 horas.

Você também tem outros sintomas e quer saber como aliviá-los? Acompanhe nossa página no Facebook e veja nossa série de vídeos sobre nutrição.

2018-09-26T20:09:19+00:00